Inspirar para evoluir e caminhar com uma pegada mais leve

Planeta Vermelho: NASA encontra sinais de possível vida microbiana em Marte

Perseverance

Amostras de rocha coletadas pelo rover Perseverance têm potenciais bioassinaturas que precisarão ser analisadas por pesquisadores na Terra

A NASA anunciou nesta quinta-feira (15) que o rover Perseverance coletou importantes amostras que a princípio, podem determinar se existiu vida em Marte. 

O material contém potenciais bioassinaturas, de acordo com a agência espacial.

Amostras Preciosas

Perseverance
Foto: Reprodução/NASA

Segundo David Shuter, cientista, o material coletado já é primordialmente importante, até mesmo considerado precioso.

A descoberta ainda não se trata de uma prova da existência de vida passada em Marte, mas é a melhor chance até hoje de se detectar uma possível vida microbiana antiga.

As amostras precisam passar por análises de última geração para terem a confirmação da presença de vida.

Compostos orgânicos

Perseverance
Foto: Reprodução/NASA

A rocha perfurada pelo Perseverance está localizada em um delta que se formou há cerca de 3,5 bilhões de anos no cruzamento entre um rio e um antigo lago.

O Perseverance analisou o material, que revelou a presença de compostos orgânicos, a maior quantidade detectada desde o início da missão, há um ano e meio.

Esses compostos são feitos principalmente de carbono e que podem conter hidrogênio, elementos essenciais da vida, declarou Ken Farley, responsável pela parte científica da missão.

De acordo com David Shuster, a rocha sedimentar parece ter se formado no momento em que a água do lago evaporou, conservando assim, as possíveis bioassinaturas.

A Nasa planeja trazer as amostras para análise na Terra por meio de outra missão antes de 2033.

Fonte: G1

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Veja também

Receba GRÁTIS notícias no seu e-mail

Siga-nos nas redes sociais

Últimos artigos